30.7.13


"Sou como você me vê.
Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania,
Depende de quando e como você me vê passar."



Estes dias não têm sido propriamente fáceis, a reunião de ontem foi um descalabro e, ao mesmo tempo, uma desilusão e uma sensação de impotência, mas a próxima será melhor e não me sentirei assim, já comecei a trabalhar nisso e não vou fingir que ficou tudo bem e que tudo correu bem, porque não correu. 
Estou cansada.


1 comentário:

Amores de Santo António disse...

O importante é não nos conformarmos ;) gostei do teu blog, tem imagens lindas