20.3.12


talvez sejam precisos mil dias para eu aprender a sobreviver, tenho de  ter mais fé, talvez preciso de me desenrascar, acreditar e não me deixar vencer. só sei que preciso de mim mesma com serenidade.


1 comentário:

Pérola disse...

Talvez o tempo não seja a resposta para tudo. Deixa os sentidos guiarem-te, dá umas férias à razão. Deixa fluir a vidae sê muito feliz com todos os pormenores, as pequenas coisas. E, acima de tudo, ama-te muito. És única e especial e isso é o mais importante.